Início Política "Nunca se investiu tanto aqui na região do Marajó", afirma Bolsonaro em...

“Nunca se investiu tanto aqui na região do Marajó”, afirma Bolsonaro em live

Presidente falou sobre ações durante live presidencial

-

O presidente Jair Bolsonaro realizou nesta quinta-feira sua live semanal nas redes sociais diretamente de um barco da Marinha atracado em Breves (PA), na Ilha do Marajó. O presidente chegou ao local no final da tarde e cumprirá uma agenda de entregas amanhã (9), que inclui inauguração de ligações de energia elétrica, conexão de internet em escolas e visita a uma agência fluvial da Caixa Econômica Federal.

“Muitas entregas amanhã, que envolvem muitos ministérios e os recursos que ultrapassam R$ 1 bilhão. Acho que nunca se investiu tanto aqui na região do Marajó”, afirmou o presidente.

Lançado em março deste ano, o programa Abrace o Marajó é coordenado pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos e articula uma série de ações com diferentes órgãos federais, do estado e dos municípios para melhorar os serviços públicos e fomentar o desenvolvimento econômico e social da ilha. 

O arquipélago inclui o município com pior IDH do Brasil: Melgaço. Mais sete dos 16 municípios que compõe a região estão na lista dos 50 piores Índices de Desenvolvimento Humano (IDHs) do país: Chaves, Bagre, Portel, Anajás, Afuá, Curralinho e Breves.

Uma das principais entregas na agenda de Bolsonaro é de outro programa, o Mais Luz para a Amazônia, que prevê a inauguração de placas solares nas residências de 11 mil famílias do Marajó, que até então utilizaram gerador movido a óleo diesel. Em outra inauguração, o presidente vai disponibilizar a entrega de conexão de internet WiFi em escolas e praças públicas de 46 localidades.

Na manhã desta sexta-feira, Bolsonaro ainda deve atender beneficiários do auxílio emergencial diretamente de um barco da Caixa Econômica Federal. Segundo o presidente do banco estatal, Pedro Guimarães, 40% de toda a população do Marajó, que tem mais de meio milhão de habitantes, estão sendo atendimentos pelo programa de transferência de renda durante a pandemia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

WhatsApp Receba as notícias do Relevante