Início Política Nova aliança é formada para combater a censura de conservadores

Nova aliança é formada para combater a censura de conservadores

A Media Research Center irá monitorar os casos de censura em mídias sociais nos EUA

-

A Media Research Center (MRC), uma organização americana de análise de conteúdo, está enfrentando os grandes meios de comunicação para combater a censura as vozes conservadoras nas mídias sociais.

Uma nova aliança, chamada Free Speech America (Liberdade de expressão América) foi anunciada contra as recentes restrições do Facebook, Instagram, Twitter, YouTube e Google ao discurso de direita. Perfis pessoais, sites e até mesmo autoridades como o presidente americano Donald Trump tiveram seus posts retirado da internet.

“Se eles podem fazer isso com o Presidente dos Estados Unidos, eles podem fazer isso com qualquer um. E, na verdade, é exatamente isso que está acontecendo”, disse Leo Brent Bozell III, escritor e fundador do MRC.

O movimento Free Speech America irá monitorar os casos de censura através do site CensorTrack.org. O vídeo de abertura do site traz alguns depoimentos como de Donald Trump Jr. alertando para a manobra dos gigantes da tecnologia para reduzir a visibilidade dos conservadores.

“Se você é religioso, se você é pró-vida, se você é pró-Segunda Emenda, você observa suas métricas e as vê serem destruídas”, disse Donald Trump Jr.

Para a senadora republicana do Tennessee, Marsha Blackburn, também censurada devido um anúncio pró-vida, a partir de agora trata-se de uma questão de responsabilização das empresas por essa atitute antidemocrática.

Ameaça à democracia

Brent Bozell alerta para os precedentes perigosos que as mídias digitais instituíram ao promover massivamente a censura sem que haja consequências para os executores.

“Quando você tem esse tipo de censura, você realmente está ameaçando o processo democrático neste país. E é por isso que precisamos de indivíduos e organizações conservadoras para nos contatar e nos informar quando encontrarem problemas com empresas de tecnologia”, disse o vice-presidente do MRC, Dan Gainor, que trabalhará com o CensorTrack.org.

Segundo ele, a censura está tão generalizada que essa guerra contra os grandes nomes da tecnologia poderá levar anos ou até mesmo décadas.
O grupo think tank conservador, American Principles Project, destaca a adaptação da justificativa de restrição para dificultar o processo de defesa dos que são vítimas da censura.

“Mesmo que você seja factual, você pode ser censurado por ‘falta de contexto’. Eles estavam removendo anúncios por serem verificados como ‘falsos’ ou ‘parcialmente falsos’. Agora eles criaram uma nova classificação que é ‘falta de contexto’ … seja lá o que isso signifique”, disse Jon Schweppe, Diretor de Políticas do American Principles Project (APP).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

WhatsApp Receba as notícias do Relevante