Início Meio Ambiente Ministra pede mais responsabilidade na comunicação sobre desmatamento

Ministra pede mais responsabilidade na comunicação sobre desmatamento

“Nós apanhamos da mídia internacional direto. Ninguém é mais sustentável do que o Brasil”, afirmou Tereza Cristina

-

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, apontou a necessidade de promover ações focadas na comunicação responsável sobre a questão do desmatamento.

“Nós apanhamos da mídia internacional direto. Ninguém é mais sustentável do que o Brasil”, e rebateu as reportagens publicadas, ao afirmar que, via de regra, os produtores rurais mantêm grande parte dos imóveis preservando a vegetação nativa.

Segundo dados do Sistema de Detecção do Desmatamento em Tempo Real (Deter) houve um aumento de 88% no desmatamento da Amazônia em comparação aos meses de junho de 2018/2019.

Entretanto, na semana passada, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, contradisse a informação afirmando que pelo menos 31% desse dado ocorreu em anos anteriores, principalmente em 2017 e 2018, mas foram computados somente depois.

Para essa verificação, segundo Salles, foram analisadas imagens de 56% das áreas desflorestadas em junho indicadas pelo Deter.

A ministra Tereza Cristina requer que os dados do monitoramento do desmatamento na Amazônia feito pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), sejam analisados e divulgados com maior cautela.

“O Inpe é um instituto importante. Agora, ele colocou, primeiramente, os dados que são de alerta, em que você não tem a área desmatada. Esse dado precisaria ser melhor trabalhado para ser colocado à disposição de todos.”

com informações Istoé*

WhatsApp Receba as notícias do Relevante