segunda-feira, janeiro 18, 2021
Início Internacional Suprema Corte dos EUA decide que governador de NY não pode fechar...

Suprema Corte dos EUA decide que governador de NY não pode fechar igrejas na pandemia

A mais nova juíza conservadora Amy Coney Barrett foi o quinto voto favorável aos locais de culto no julgamento, em um placar de 5x4

-

- Advertisement -

Ontem (25) , a Suprema Corte dos Estados Unidos, decidiu por 5 votos a 4 que o governador de Nova York, Andrew Cuomo, não pode fechar igrejas e sinagogas que não seguem as severas restrições impostas por sua gestão, em razão da pandemia do coronavírus.

A mais nova juíza conservadora Amy Coney Barrett foi quinto voto favorável aos locais de culto no julgamento. O presidente do tribunal John Roberts juntou-se aos três juízes favoráveis ao governador.

A decisão dizia: “Os membros deste Tribunal não são especialistas em saúde pública, e devemos respeitar o julgamento daqueles com especialização e responsabilidade nesta área. Mas mesmo em uma pandemia, a Constituição não pode ser deixada de lado e esquecida. As restrições em questão aqui, ao impedirem efetivamente muitos de comparecer aos cultos religiosos, atingem o cerne da garantia da Primeira Emenda de liberdade religiosa.”

Uma vitória gigantesca para a liberdade religiosa!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

WhatsApp Receba as notícias do Relevante