Início Internacional Dezenas de muçulmanos se convertem a Cristo no Iraque e Síria

Dezenas de muçulmanos se convertem a Cristo no Iraque e Síria

Movimento humanitário trabalha para ajudar pessoas em zonas de conflito a se libertarem do domínio do ISIS

-

Um casal de missionários percorre os territórios do Sudão, Iraque e Síria levando ajuda e pregando a palavra de Deus aos cidadãos afetados pela guerra. Em entrevista a CBN News, Dave Eubank e sua esposa Karen, falam sobre seu mais novo desafio, libertar a região de Mosul do domínio da organização terrorista ISIS.

Ele acredita que apesar da guerra, pode haver boas novas entre o caos. Isso porque “Deus não desiste das pessoas. Ele sempre nos dá uma segunda chance”, afirma. Eubank conta que duas novas comunidades cristãs que eram muçulmanas. “Elas simplesmente se voltaram para Deus. E, o mais importante, Jesus veio até eles em sonhos. Já tinha ouvido falar disso antes, mas agora vi.”

Eubank e sua família lutavam desde 1994 em defesa dos mais necessitados na região asiática da Birmânia, mas após uma visita ao Iraque, ele revela que recebeu um chamado: “Olhando para os campos de Nínive, e Mosul um pouco adiante, vi as bandeiras negras do ISIS. E perguntei a Deus, ‘O que eu faço sobre isso?’ e então ouvi Deus dizer: ‘Desista do seu próprio caminho e apenas ajude essas pessoas’,” conta.

Em meados de 2015, o Estado Islâmico conquistou uma grande região abrangendo a Síria, o Iraque e o Curdistão. O ISIS matou milhares de pessoas e impôs seu domínio sobre o território e os sobreviventes. A coalisão dos Eubanks, chamada de Free Burma Rangers, lutou para expulsar o grupo terrorista.

Free Burma Rangers

Dave Eubank, Karen e seus três filhos pequenos continuam focados em ajudar as pessoas na Síria. Um documentário sobre sua congregação Free Burma Rangers foi lançado em fevereiro de 2020 na plataforma Amazon Prime. A organização treina equipes de homens e mulheres para prestar atendimento médico nas regiões de conflito.

Em julho deste ano, Dave também lançou o livro “Faça isso por amor: os guardas da Birmânia livres na batalha de Mosul”. O registro conta sobre a batalha de Mosul contra o ISIS. Segundo o escritor, ele aprendeu a diferença entre justiça e vingança.

“Se você quer justiça, tem que pedir amor a Deus, e o mais importante é o poder sobrenatural de Jesus. E a única maneira de obter justiça é com amor, porque se alguém te magoou é muito natural ficar com raiva. Você quer vingança. Mas envolto em ódio, será uma vingança que não fará a eles nenhum bem ou mal. Esse ódio não vai parar até que volte para você. É assim que Satanás opera”, explica.

E finaliza: “Este é o meu ‘obrigado, Jesus’ e ‘obrigado, mundo que nos ajuda’. Estas tendas, estes sacos de dormir, a comida que comemos é de outros crentes e outras pessoas que se importam e que nos ajudam. Não somos fazendo isso sozinho.”

FONTECBN

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

WhatsApp Receba as notícias do Relevante