Política brasileira de biocombustíveis traz oportunidades para tecnologias de mobilidade

Joaquim Levy afirmou que o Brasil tem grandes oportunidades para a aplicação de tecnologias na mobilidade, que permitam menor emissão de carbono

221

O Brasil tem grandes oportunidades para a execução de tecnologias de mobilidade urbana, acredita o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Joaquim Levy.

Para ele, é importante o estímulo de políticas públicas que fomentem a aplicação dessas tecnologias, assim como a produção de combustíveis de baixo carbono.

“O futuro da mobilidade passa por diferentes caminhos como o uso de transporte público ou individual, zoneamento determinando trajetos por maior ou menor distância, assim como a escolha de diferentes modais para o transporte de carga”, disse Levy, na abertura do seminário Futuro da Mobilidade – Mais Eficiência Energética e Menos Impacto Ambiental, que foi promovido pelo BNDES, na sede da instituição, no Rio.

Levy disse que a matriz energética brasileira apresenta a participação de energias renováveis superior a 40%, enquanto a média mundial não ultrapassa 14%.

com informações Agência Brasil*