Início Colunistas Novo texto para não ser censurado pelo Facebook

Novo texto para não ser censurado pelo Facebook

"Devido à censura que sofri em meu post sobre Felipe Neto e Thammy, no Facebook, resolvi reformular o texto. Dessa vez com termos elogiosos e carinhosos", ressalta Nelson Fonseca em novo artigo

-

Vou começar com o “Pai do Ano”, Thammy.

Primeiro quero parabenizar a Natura por homenagear os pais brasileiros com essa maravilhosa e talentosa atriz de filmes pornô. Uma atriz que cansou de sua vida de “mulher” e transformou-se nesse “maravilhoso homem”. Afinal, quem é esse tal de Deus para obrigar-nos a honrar o nosso corpo e o sexo à nós designado por Ele?

Um corajoso “homem” que extirpou aquela parte do corpo que Deus fez para cumprir a “insignificante função de apenas alimentar um filho”. Pra que servem as “tetas”?

Hoje ela é um homem maravilhoso.

Porque a Natura iria eleger um “Pai” criado por Deus, se esse “Pai” fabricado por um cirurgião de faca afiada e um caminhão cheio de hormônios é bem melhor?

“Ela”, agora “ele”, teve um curso intensivo de pai, já que teve 17 pais oficiais, pois a sua também “talentosa” mãe casou-se 17 vezes, sem contar as outras dezenas de companheiros que não chegaram ao “matrimônio”. Uma experiência e tanto.

A Natura acertou em cheio. Pra que homenagear um pai que “aceitou” um filho qualquer que Deus lhe enviou? Thammy não! O “Pai do Ano” escolheu o seu filho num catálogo, tipo o catálogo da Natura, pela cor, tipo de cabelo, cor dos olhos… Isso é lindo! Isso que é exemplo de pai.

Um pai presente, pois não precisa acordar às 4:30h da madrugada para ir trabalhar. Vive de seu lindo corpo esculpido à faca e agora começa a viver também da venda da imagem do sortudo filho, que Deus, aliás, o vendedor de sêmen, escolheu para essa família exemplar.

Parabéns também às mulheres de “dedo podre”, que por causa de suas escolhas erradas, resolveram também apoiar essa atitude da Natura. Acho até que elas deveriam seguir o exemplo. Retirar os seios e parar de se depilar. Tomem uns hormônios e depois é só ir na Pet Shop comprar um filho e sejam felizes como pais.

Agora vamos falar do Felipe Neto, esse grande educador e mestre do entretenimento infanto juvenil.

Como podem recriminar um rapaz que ensina às crianças os movimentos de sexo oral utilizando apenas o gargalo de uma garrafa?

Um orientador sentimental que antes de aconselhar uma certa adolescente sobre o seu novo “crush”, pergunta primeiro: “Você quer um relacionamento amoroso ou só quer o “pau” dele? Se for só o “pau”, vá fundo. Não deixe que ninguém mande em sua perereca”.

Não é ótimo isso? A mãe dessa menina não precisa mais se preocupar em orientar a filha. Ele faz isso por ela.

Um rapaz divertido, cheio de brincadeiras educativas. A mais famosa é “Casa, mata ou trepa”. Super divertida. Ele pergunta qual a atitude seu filho ou filha de 10 ou 12 anos deveria tomar em relação à algumas celebridades. E ele explica bem a brincadeira: “Se for o Neymar, por exemplo, você trepa e torce pra engravidar”. Isso é que é conselho. Você mãe não saberia dá-lo com tanta maestria.

Ainda bem que esse grande educador já está sendo finalmente reconhecido. Foi convidado a fazer uma “live” com um Ministro do STF, foi convidado à participar da elaboração de leis da Internet pelo Presidente da Assembléia Legislativa e recebeu muitos elogios do Presidente da OAB.

Também foi elogiado e defendido pelo famoso apresentador Luciano Huck e outros globais.

Quem sou eu na fila do pão para questionar essa celebridade do mundo cultural?

Parabéns pelo sucesso, Felipe Neto.

Essas celebridades acima estão incentivando até os “aposentados”. A sexagenária Xuxa resolver relembrar seus tempos de filmes alusivos à pedofilia e vai lançar um livro LGBT para criancinhas.

Por que o Ministério da Educação não pensou nisso antes? Deve ter sido por causa daquele ex-ministro Weintraub com suas ideias “caretas”.

Termino parabenizando mais uma vez a esses grandes nomes da educação infantil e seus apoiadores.

Parabéns Thammy, Felipe Neto, Xuxa, Ministro Barroso “Boca de veludo”, Rodrigo Maia, Santa Cruz, Luciano Huck, Rede Globo, entre outros.

O que seria de nossas crianças se não fossem vocês?

Ficou bom agora, Facebook? Só tem elogios no meu post. Vocês não vão me censurar por causa de elogios, ou vão?

Nelson Fonseca (Colunista) É profissional de TI aposentado, de direita, conservador, patriota e cristão. Atualmente luta, incessantemente, contra o Comunismo e a degradação social e dos conceitos cristãos.

WhatsApp Receba as notícias do Relevante