Empatia x Simpatia – Você sabe diferenciar um do outro?

“Seja sempre gentil, pois cada pessoa que você encontra está travando uma grande batalha"

Reprodução

No artigo de hoje vamos falar sobre EMPATIA, a quarta habilidade específica necessária para conquistar o seu mundo interior com Inteligência Emocional.

É muito comum vermos as pessoas confundirem empatia com simpatia. Apesar de serem duas palavras bastante parecidas, seus significados são bem diferentes e por isso é importante saber o que cada uma significa.

Vamos começar entendendo o que é simpatia. Simpatia é o que nós sentimos em relação ao outro. É o que transmitimos ao outro. A simpatia tem como objetivo estar com o outro e agradá-lo. É um sentimento de afinidade com determinada pessoa.

Diferente da simpatia, a empatia é um sentimento mais forte, mais profundo e mais pessoal. É a capacidade de nos colocarmos no lugar do outro para compreendermos a sua realidade, os seus sentimentos, as suas necessidades. É sentir o que a outra pessoa sentiria se estivesse na mesma situação que ela. É enxergar determinada situação pelo olhar do outro.

Ser uma pessoa empática requer, antes de tudo, uma atitude de respeito pelo outro e sua realidade com um olhar livre de preconceitos e julgamentos.

A empatia é fundamental para a vida em sociedade. Ela é responsável pela qualidade das relações humanas em todos os níveis de relacionamentos (família, amigos, colegas de trabalho) e por isso devemos desenvolvê-la em nosso dia a dia. Seguem algumas dicas para quem deseja ser mais empático:

1 – Ouça mais e fale menos
Desenvolva a habilidade de ouvir as pessoas sem dar sugestões, opiniões ou conselhos. Apenas ouça. Busque compreender quais sentimentos estão por trás de cada palavra. Aprenda a ouvir as palavras que não são ditas.

2 – Não julgue
Não somos capazes de saber tudo o que está acontecendo em determinada situação a ponto de emitir um julgamento. Cada pessoa é um mundo e nós sempre vamos julgar o outro com base em nossos próprios sentimentos. Tenha o cuidado de não rotular as pessoas.

3 – Imagine-se vivendo a vida do outro
Quando nos imaginamos vivendo a vida do outro conseguimos entender melhor suas atitudes e seus sentimentos.

4 – Sorria
O sorriso traz leveza e tranquilidade e ajuda a criar conexão com o outro.

5 – Seja gentil
Tem uma frase no filme Extraordinário que deve ser lembrada sempre por quem deseja desenvolver empatia.

“Seja sempre gentil, pois cada pessoa que você encontra está travando uma grande batalha.”

E para ajudar ainda mais no desenvolvimento da empatia eu tenho algumas sugestões de leitura e filme.

Sugestão de leitura: Como fazer amigos e influenciar pessoas, Dale Carnegie. Escrito em 1936 e já em sua 52ª edição é um excelente manual para quem deseja desenvolver a empatia. O livro é uma verdadeira viagem pelo tempo na companhia de personalidades bastante empáticas. Vale a pena ler.


Sugestão de filme: Se eu fosse você. Uma maneira bem descontraída de se imaginar vivendo a vida do outro.

E aí, que tal começar a praticar a empatia no seu dia a dia?

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WhatsApp-Image-2019-04-24-at-16.48.04.jpeg

Débora Paes (Colunista) Master Coach de Inteligência Emocional certificada pela Federação Brasileira de Coaching Integral Sistêmico. Atuando como Personal Coach, Business Coach, Palestrante e Trainer desde 2015. Analista de Perfil Comportamental com certificação avançada em SOAR Communication Profile pelo SOAR Global Institute – Florida – EUA.