Orquestra Sinfônica celebra 70 anos da Organização Ibero-americana

Artistas trazem ao Cine Brasília um evento gratuito para homenagear a Organização dos Estados Ibero-americanos para Educação, Ciência e Cultura

Reprodução/Orquestra Sinfônica

Hoje (1º), a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Cláudio Santoro (OSTNCS) traz um grande espetáculo produzido por artistas ibero-americanos em homenagem a Organização dos Estados Ibero-americanos para Educação, Ciência e Cultura.

O evento gratuito acontecerá no palco do Cine Brasília e terá início às 20h. Mas a entrada será liberada às 19h15 para idosos e pessoas com deficiência e 19h30 para público em geral.

O repertório bem original vem compartilhar experiências variadas, que remetem a identidades de países de língua espanhola e portuguesa.

O solista lituano Laimonas Salijus pela primeira no BRasil, tem grandes expectativas para o evento.

“Estou certo de que será um concerto memorável, com um repertório que, além de Piazzola, terá a composição de um grande músico brasileiro (André Mehmari). Espero poder proporcionar ao público uma experiência inesquecível com o acordeon erudito!”, disse à Agência Brasília.

Entre outros nomes de peso estão: a clarinetista Paula Pires, o brasileiro radicado em Berlim há 40 anos, violoncelista Matias de Oliveira Pinto, acompanhados, é claro, do maestro regente da OSTNCS, Cláudio Cohen.

com informações Agência Brasília*